161110_icono_product_teaser Shape Shape 161110_icono_product_teaser icon-arrow-left icon-arrow-right icon-first icon-last 161110_icono_product_teaser 161110_icono_product_teaser location-pin 161110_icono_product_teaser 161110_icono_product_teaser contact-desktop-white careers-desktop-white

Quase 2 milhões de Euros para financiar o desenvolvimento do transporte por caravana de veículos em rede

O Ministério Federal dos Transportes e Infraestruturas Digitais (BMVI)  financia o projeto de sistema de caravana da DB Schenker, MAN e Hochschule Fresenius • Os primeiros testes serão realizados nos inícios de 2018

(Berlim/Munique, 10 de julho de 2017)  DB Schenker, MAN e Hochschule Fresenius recebem financiamento do Ministério Público pelo seu desenvolvimento conjunto do comboio de veículos ligados em rede. O Ministério Público dos Transportes e Infraestruturas Digitais também lançou um anúncio correspondente. O projeto de sistema de caravana, acompanhado a nível académico, será financiado durante 20 meses desde junho de 2017 até janeiro de 2019.

Inicialmente, os parceiros vão testar caravana de veículos em rede na operação diária no local de testes digital, a autoestrada A9, durante vários meses para analisar a sua adequabilidade à aplicação prática e segurança do sistema em cenários de tráfego reais, assim como, dentro dos processos de logística da DB Schenker. Esta fase pretende também investigar os potenciais efeitos da nova tecnologia na profissão de motorista.

Alexander Dobrindt, Ministro dos Transportes e Infraestruturas Digitais: “A condução automatizada e ligada em rede será em breve uma realidade. O projeto de sistema de caravana de veículos trará a tecnologia do laboratório para as estradas. Os veículos de alta tecnologia mantêm distâncias de segurança e comunicam entre eles. O tráfego torna-se mais fluido e seguro, e a capacidade na estrada e o conforto na cabine aumentam. Isto alivia a tensão sobre os motoristas e o ambiente. Com este projeto, a DB expande ainda mais a sua competência como fornecedor moderno da mobilidade e logística. O Ministério está a trazer projetos inovadores de pesquisa focados na condução automatizada e em rede para a estrada e a providenciar um financiamento total de 100 milhões de Euros. Com o desenvolvimento e teste dos veículos ligados em rede, estamos a começar mais um projeto no nosso campo de testes digital, a autoestrada A9. O objetivo do nosso financiamento é fazer com que a Alemanha seja o mercado principal da condução automatizada e ligada em rede.”

Jochen Thewes, CEO da Schenker AG: “Estamos entusiasmados por o Ministério ter decidido a favor do nosso financiamento. A DB Schenker está a impulsionar o caminho, juntamente com os seus parceiros de projeto, para a introdução da tecnologia de caravana para veículos no mercado alemão. Com um teste precoce e rigoroso em cenários reais de tráfego de estrada, nós estamos, mais uma vez, a fortalecer o nosso papel de líder tecnológico. Este projeto demonstra os nossos elevados padrões e ambição para sermos o impulsionador dos modelos de negócios digitais para os nossos clientes no setor do transporte e da logística.”
O montante total de financiamento será dividido entre os parceiros do projeto, de acordo com as suas respetivas necessidades orçamentais.

​​​​​​​A DB Schenker vai coordenar todo o projeto. A começar no início de 2018, os primeiros testes serão realizados no campo do teste digital, a autoestrada A9, entre os estabelecimentos da DB Schenker em Munique e Nuremberga. A MAN vai construir veículos de teste modernos para realizar os testes.

Joachim Drees, Chefe Executivo da MAN Truck & Bus e MAN SE:
“Estamos muito contentes por receber financiamento para este importante projeto que permite à MAN, juntamente com os nossos parceiros de projeto, testar o projeto de sistema de caravana de veículos pela primeira vez ao longo de vários meses de aplicação prática em cenários de logística reais, que ocorrem diariamente com motoristas profissionais.”
Hochschule Fresenius está a pesquisar os efeitos da nova tecnologia sobre os motoristas na caravana de veículos ligados em rede, com ênfase no impacto neurofisiológico e psicossocial. “Desde o início que é importante considerar aqueles que serão afetados pelos desenvolvimentos.”, diz o Professor Dr. Christian T. Haas, Chefe do Instituto da Pesquisa Complexa de Saúde na Hochschule Fresenius. “O nosso conhecimento ganhou com a análise dos efeitos do fluxo da interface homem-máquina diretamente para como a tecnologia é desenvolvida e como as condições de trabalho são concebidas.”

No início, os veículos vão sem carga enquanto se analisam as condições de condução no tráfego diário e enquanto os motoristas são formados. Durante o ano de 2018, deve haver até três viagens por dia com cargas reais.

O sistema de caravana é um sistema de veículos para o tráfego rodoviário, no qual pelo menos dois camiões na autoestrada estão ligados em rede por um sistema técnico, que lhes permite conduzir um atrás do outro a uma distância muito próxima. Todos os veículos na caravana estão ligados através da comunicação eletrónica V2V. O acoplamento eletrónico dos veículos garante uma viagem segura no tráfego. Aqui, o objetivo principal é usar a condução no espaço de rasto criado para conseguir poupar combustível até 10%. Estas poupanças também reduzem as emissões de CO2. Os parceiros do projeto também esperam aprender novas formas para otimizar toda a cadeia de logística e obter a aceitação social de novas tecnologias. Em maio de 2017, a DB Schenker e a MAN assinaram um acordo de cooperação para uma colaboração do sistema de caravana.

For more information on the topic of digitalization at DB Schenker, visit www.deutschebahn.com/Digitale_Innovationen.